sábado, 9 de agosto de 2008

Irretocável

Atlético/MG 0x4 Grêmio - Mais uma vitória - a quarta consecutiva! - para coroar, de vez, a irretocável campanha Tricolor até aqui. Esta é, simplesmente, a melhor campanha desde a implementação do campeonato por pontos corridos, em 2003. O Grêmio (1º/41 pts.) apresenta extraordinários números: melhor ataque (35 gols), melhor defesa (12 sofridos), maior número de vitórias (12) - dentre as quais destaca-se, também, como melhor campanha como visitante com cinco vitórias - e menor número de derrotas (4 apenas). A equipe - retranqueira para muitos, sobretudo quando se trata de Celso Roth - está a quatro jogos sem levar um gol sequer. Seu ataque, no entanto, desmistifica a fama de seu treinador. A goleada, porém, freia a sequência do Atlético/MG (12º/24 pts), que viera de duas vitórias em busca desesperada para escapar da ameaça de rebaixamento. Willian Magrão, Tcheco (pênalti) e Reinaldo - até ele! -, duas vezes, decretaram a dilatada vitória gremista. E o Atlético/MG dá sinais de que vai brigar - não acredito que aconteça, de fato - até o fim para não cair. Lastimável. Para tal, conta com os lampejos de Petkovic. Já o Grêmio virará o turno líder, independente dos resultados de amanhã. E aos superticiosos de plantão: desde 2003, toda equipe que virou o turno na liderança, levantou o caneco.

Adendo: Há de se ressaltar e louvar a manutenção - pela diretoria - do técnico Celso Roth após o começo conturbado e catastrófico da equipe, após eliminações no estadual e Copa do Brasil - esta precoce, para o Atlético/GO, nos pênaltis. Depois de se despedir da competições, o Tricolor gaúcho teve um mês livre sem disputar jogos oficiais - o faria apenas no Campeonato Nacional, na estréia, diante do São Paulo, no Morumbi. E o Grêmio venceu. Talvez, apesar de tudo, esse período tenha sido o diferencial. É o que parece.


■■■■■■

Flamengo 1x0 Atlético/PR - Certamente, não foi pela benção do padre que o Flamengo venceu. Confesso que torci para o insucesso rubro-negro só para acabarmos, de vez, com algumas crendices (!). Tais crendices - e por que não fanatismo? - só continuarão a conduzir o povo à alienação desmedida e cega, já nítida. Capazes de fazer com que um cidadão dê à "igreja" todos os seus bens a fim de garantir um lugar no Paraíso, por exemplo. Não se iludam. O Flamengo (5º/31 pts.) venceu pelo cansaço. Venceu pela falha de Gallato - até aquele momento, muito bem na partida. Venceu porque o Atlético/PR (14º/20 pts.) abdicou de jogar. E ainda assim, suou para garantir o triunfo. Muitos erros de passes, de conclusão. Tudo isso é apenas consequência - insisto! - do desmanche. Para o rubro-negro paranaense, um empate era satisfatório. Portanto, a derrota não abate. Na medida para a limitadíssima equipe do interino (?) Tico dos Santos. Jaílton, com generosa ajuda de Gallato, marcou para o Flamengo, que dormirá bem próximo do pelotão de elite. A sua permanência é incerta, porém.

■■■■■■

São Paulo 2x1 Goiás - Outra vitória pouco convicente do Tricolor paulista. Suficiente, todavia, para vencer o instável Goiás (13º/23 pts.). Zé Luís e Rodrigo - de longe... - marcaram. Iarley - quatro gols nos últimos três jogos -, em pênalti inexistente, descontou. O São Paulo (4º/33 pts.) ainda teve um gol anulado, corretamente. A vitória magra afasta o perigo são-paulino de perder sua posição no G4. Por ora.

■■■■■■

NOVIDADE! Agora, se você quiser receber as atualizações do blog, basta inscrever-se no Feed RSS , no menu à direita.

A tecnologia do RSS permite aos usuários da internet se inscreverem em sites que fornecem "feeds" (fontes) RSS. Estes são tipicamente sites que mudam ou atualizam o seu conteúdo regularmente. Para isso, são utilizados Feeds RSS que recebem estas atualizações, desta maneira o usuário pode permanecer informado de diversas atualizações em diversos sites sem precisar visitá-los um a um¹.

São pequenas novidades que, aos poucos, vão fazendo deste um espaço mais aprazível para todo o público ledor. Aceito sugestões (via comentários).

-
¹ Concisa explicação retirada da
Wikipédia

3 comentário(s):

Filipe Araújo disse...

Bela campanha do tricolor. um time muito organizado. tomara que siga desse jeito até o final, né, Roth?

Abrazo!

http://gambetas.blogspot.com

Pâm SãoPauliNa-RP disse...

Olá tudo bem?
Gremio está muito forte esse ano
=)

Mas confio no meu tricolor
hehehehehhe

Ta sumido heim??
Bjss

Vinicius Grissi disse...

O Grêmio segue forte para buscar o título. O empate, com time reserva, frente ao Inter, serve para mostrar que o elenco não é tão fraco como alguns ainda pensam.